Inclusão e Direitos Humanos

ORDI defende a promoção da equidade e da inclusão social das pessoas com uma doença rara e das suas famílias.

Os desafios das pessoas que vivem com uma doença rara vão muito além da saúde.

As crianças que vivem com uma doença rara lutam para serem integradas nos sistemas educativos e encontram barreiras em todas as fases da escolaridade.

As famílias e as pessoas que vivem com uma doença rara enfrentam desafios para manter um trabalho decente e têm um maior risco de empobrecimento devido ao aumento dos custos dos cuidados para uma doença rara.

As mulheres sentem desigualdade de género e estigma como pessoas que vivem com uma doença rara. E as mães têm muitas vezes uma maior responsabilidade no cuidado dentro de casa.

Em todo o mundo, a nossa comunidade enfrenta múltiplas formas de discriminação e barreiras à plena participação na sociedade.


Principais Recursos